Amando e aprendendo a Nossa Língua.

Concordância escorregadia

Há casos de concordância verbal que se afastam da norma-padrão e, em contextos formais, podem levar o redator à dúvida

Por Josué Machado

http://platform.twitter.com/widgets/tweet_button.1410989646.html#_=1411511207682&count=horizontal&counturl=http%3A%2F%2Frevistalingua.uol.com.br%2Ftextos%2F105%2Fconcordancia-escorregadia-314959-1.asp&id=twitter-widget-1&lang=en&original_referer=http%3A%2F%2Frevistalingua.uol.com.br%2Ftextos%2F105%2Fconcordancia-escorregadia-314959-1.asp&size=m&text=Concord%C3%A2ncia%20escorregadia%20%7C%20Revista%20L%C3%ADngua%20Portuguesa%3A&url=http%3A%2F%2Frevistalingua.uol.com.br%2Ftextos%2F105%2Fconcordancia-escorregadia-314959-1.asp%23.VCHzpWHhU28.twitter

6

Alguns casos especiais de concordância verbal apresentam mais casos de exceção do que outros. Entre eles, está a silepse.

A concordância ideológica, ou silepse, é aquela que se faz com o sentido, com a ideia das palavras, com o que elas expressam – não com sua forma.

Nisso difere da concordância verbal bem comportada, em que o predicado (verbo) concorda com o sujeito em número (singular ou plural) e pessoa (1.ª, 2.ª e 3.ª).

De acordo com o sentido originário, silepse deveria referir-se apenas à concordância de número, mas acabou se estendendo a qualquer fenômeno da concordância ideológica.

Portanto a silepse pode ser de pessoa, com aparente discordância de pessoa; de gênero, com aparente discordância de gênero; e de número, com aparente discordância de número. “Silepse” vem do grego súllépsis,eós, pelo latim syllepsis,is, e significa compreensão, inclusão, reunião.

De número
A multidão cercou o palácio, e logo começaram a gritar palavras de ordem.

“Começaram” em vez de “começou” porque o escriba considera a ideia plural contida no coletivo multidão.

A assembleia age no impulso e acabam se descontrolando

“Acabam” em lugar de “acaba” registra o mesmo fenômeno.

De gênero
Sua Santidade é fofo.

A expressão de tratamento de forma gramatical feminina está aplicada a adjetivo representativo do sexo masculino.

A gente fica irritado com certas manobras.

Pessoa do sexo masculino usa o coletivo feminino gente.

De pessoa
Os milhões de brasileiros esperamos por vida melhor.

Esperamos em vez de esperam porque o declarante se inclui no sujeito enunciado na terceira pessoa.

Naquela tarde, ficamos reunidos alguns eleitores.

Ficamos por ficaram porque, como no exemplo anterior, o declarante se inclui entre os eleitores.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: